To infinity… and beyond.

Além dos tradicionais lançamentos de sondas espaciais, foguetes, satélites, homens no espaço bem como na lua, a agência espacial mais conhecida do planeta (quiçá em outros planetas), a NASA, tem feito um esforço para tornar conhecidas as suas iniciativas no desenvolvimento de software.

NASA
NASA logo

Apesar de muito conhecida por seus grandes feitos desde a época da corrida espacial nos anos 50, é óbvio que além de todo o conhecimento científico adquirido com esses feitos, principalmente o conhecimento e desenvolvimento matemático e algorítmico devem ter sido algo jamais experimentado na história da humanidade em um curto intervalo de tempo.

Como a NASA foi criada em uma época em que o “segredo” era algo que poderia mudar o rumo da história devido a um momento de “guerra” (psicológica) entre as duas maiores potências da época, é normal que tudo o que fora desenvolvido por essa agência fosse “secreto” até então.

Entretanto os tempos são outros e a quantidade de informação existente hoje não justifica mais nenhum “segredo”, uma vez que é muito mais interessante que a própria agência se beneficie das vantagens do compartilhamento via iniciativas de software open source.

Até mesmo outras agências, como a DARPA, vem utilizando há anos software open source em seus projetos internos.
Eu mesmo já obtive um feedback há uns 15 anos atrás, onde um engenheiro da DARPA me pareceu estar usando a minha biblioteca JMML (Java MSN Messenger Library), já naquela época.

Voltando à NASA, desde o ano passado percebi que a agência tem demonstrado estar bem compromissada em organizar um grande catálogo contendo todas as suas tecnologias em software, já criadas e utilizadas em seus projetos.

NASA Software Category

Na imagem acima podemos ver todas as categorias de software contemplados pela iniciativa.
Particularmente me interessei pela “Data servers processing and handling” e ao abrir essa categoria, percebi que tenho, só ali, um universo a ser explorado que irá me levar “ao infinito e além“.

Segue abaixo o link da iniciativa.

https://www.nasa.gov/directorates/spacetech/techtransfer/Software_Catalog_2019

https://software.nasa.gov/

[]’s
PopolonY2k

Print Friendly, PDF & Email

Super Laydock Mission Striker

Um dos melhores jogos de shoot ’em up já feitos para o MSX pela lendária T&E Soft e apesar da limitação do MSX1, os desenvolvedores da T&E Soft conseguiram, nesse jogo, trazer a mesma experiência dos arcades para o computador, na época.

Super Laydock Mission Striker

O jogo foi um sucesso e transformou uma empresa de 2 irmãos, Toshiro e Eiji Yokoyama (daí o nome T&E), cujo headquarter diz a lenda era seu quarto, em um dos maiores estúdios de games da década de 80, rivalizando com gigantes como a Konami, Sega e Taito.

Esse sucesso inicial colocou a T&E Soft na mira dos grandes produtores de hardware a ponto de bem antes do lançamento do MSX2 pela ASCII Corp Japan, a T&E Soft receber atualizações de BIOS diárias da nova máquina que estava por ser lançada, pois a ASCII tinha grande interesse que empresas como a T&E Soft lançassem jogos e softwares exclusivos para o seu novo MSX2.

Assim começou o desenvolvimento de Laydock, uma continuação de Super Laydock só que para MSX2. Entretanto a cada mudança de BIOS recebida, o jogo quebrava dificultando a conclusão de seu desenvolvimento no prazo.

Laydock

No final da história, Laydock não conseguiu superar Super Laydock, apesar do hardware e capacidade gráficas superiores do MSX2 frente ao MSX1.

PopolonY2k

Print Friendly, PDF & Email

For Ada with love

Esse é um pequeno resumo da vida de Ada Augusta Byron King a Condessa de Lovelace, mais conhecida como Ada Lovelace.

Ada Augusta Byron King (Ada Lovelace)

Ada Lovelace é reconhecida por ter escrito o primeiro algoritmo processado por uma máquina, que foi a máquina analítica de Charles Babbage.

Charles Babbage sequer ainda tinha percebido a potencialidade da capacidade programática de sua máquina, entretanto Ada vislumbrou essa característica infinita do invento de Babbage. Por esse motivo Ada é reconhecida como a primeira programadora, ou programador em sentido mais amplo, da história da computação.

Ada era a única filha legítima do poeta Lord Byron e sua posição na sociedade da época era bem avantajada considerando a maioria das pessoas daquele período e apesar de ter nascido em situação privilegiada, ela se contrapôs ao “status quo” que naturalmente poderia tê-la feito entrar em uma situação de conforto levando-a talvez ao ostracismo e a viver uma vida irrelevante para a melhoria da humanidade.

Devido a sua capacidade de vislumbrar coisas inexistentes e até fantasiosas para a maioria das pessoas, talvez ela tivesse seguido a carreira artística influenciada por seu pai, entretanto Lord Byron morreu durante a guerra da independência Grega, deixando Ada órfã de pai com apenas 8 anos de idade.

Graças a Deus, a mãe de Ada Lovelace, Anne Isabella “Anabella” Byron, promoveu e estimulou o interesse de sua filha em matemática e lógica, até mesmo porque ela via na matemática uma forma de sua filha se distanciar do que ela acreditava ser a “insanidade” de Lord Byron.

Porém o que Anabella não sabia é que a “insanidade de Lord Byron” era justamente a sua “genialidade artística” e que isso jamais poderia ser retirado de Ada.

A “genialidade lógica e matemática” de Ada aliada à sua “genialidade artística”, naturalmente levaram-na a ter contato com Charles Babbage e, consequentemente, ter acesso a seu grande trabalho que foi a máquina analítica.

Durante sua vida Ada desenvolveu vários trabalhos matemáticos, por vezes complementando trabalhos de outros e também desenvolvendo os seus próprios.

Infelizmente Ada Lovelace viveu até os 36 anos de idade apenas, quando morreu de câncer.

Apesar de ter perdido seu pai muito cedo, Ada continuou interessada em sua vida e seus feitos e, a seu pedido, foi enterrada ao lado de seu pai, Lord Byron, quando morreu.

Ada Lovelace mudou o mundo, inclusive a criação do software que mantém essa página aqui, redes sociais e todos os demais softwares criados ao redor do planeta, depois de seu feito inicial de abrir o entendimento da humanidade sobre como comandar máquinas através de sequencias lógicas e matemáticas, conhecidas hoje como programas de computador ou simplesmente softwares.

Obrigado Ada.

PopolonY2k

Print Friendly, PDF & Email

No principio era o binário.

No livro de Bytesis capitulo 1 está escrito.

Versículo 1
E no principio era o binário e o binário era de difícil compreensão.
Então se criou os mnemônicos para facilitar a montagem de programas em binário e chamou isso de assembly.

Versiculo 2
E viu que assembly era bom, era rápido e enxuto mas ainda assim era difícil e causava muitos travamentos por ter acesso direto ao hardware.

Versiculo 3
Então chamou o profeta Denis Ritchie e disse, “Ide e desenvolvei uma linguagem abstrata que facilite a integração entre alto nível e baixo nível. E sendo essa linguagem de médio nível, a chamarás linguagem C”

Versículo 4
E o profeta Ritchie assim o fez e C era rápida e tão boa quanto o assembly e viu que era bom.

Versículo 5
Então chamou o profeta Bjarne Stroustrup e ordenou, “Ide e desenvolvei uma linguagem igualmente abstrata com possibilidade de encapsulamento e polimorfismo infinitos, tendo as mesmas especificações básicas de C, conforme eu ordenara anteriormente, e que seja igualmente rápida como as antecessoras.”

Versículo 6
E assim o profeta Stroustrup o fez conforme ordenado.
E vendo o criador seu feito disse, “Bendito sejas entre os povos e que seus feitos sejam conhecidos perpetuamente até o final dos tempos”.
E chamou essa linguagem de C++.

Versículo 7
E vendo que os feitos dos profetas eram bons e que davam bons frutos, o criador lhes deu uma última ordenança.
“Ide e divulgai todo o seu conhecimento ao redor do planeta, para que as futuras gerações saibam que eu estive contigo desde a criação, porém não crieis linguagens baseadas em máquinas virtuais e bytecodes, pois se assim tu o fizeres, certamente morrereis”.

[]’s
PopolonY2k

Print Friendly, PDF & Email

Nemesis Lonestar – 8080-Z80 ASM

A cada ano centenas, milhares ou até milhões de páginas na internet são criadas, removidas, atualizadas ou abandonadas até que sejam naturalmente esquecidas, dependendo apenas dos snapshots providenciados pela Wayback Machine da Internet Archive.

Com isso muito material é agregado ao ecossistema da web e também muitos deles são perdidos para sempre, que para mim é um ciclo natural na rede.

Entretanto muita informação jamais deveria desaparecer da internet, principalmente aquelas sobre tecnologias antigas que na maioria das vezes nos mostram a criatividade e as técnicas utilizadas no passado pelos pioneiros da tecnologia.

Infelizmente o site MSX Info Pages do Hans Otten, fechou as portas no dia 02 de abril de 2019 e com isso perdemos muito material importante não só para a comunidade de MSX, bem como para a comunidade de retrocomputação em geral, uma vez que o mesmo continha muita informação técnica agregada em uma única fonte.

É nesse contexto que apresento àqueles que não conheciam, o site Nemesis Lonestar que costumava estar nesse link aqui, mas que agora infelizmente está quebrado desde o dia 16 de janeiro de 2019, segundo o último snapshot gerado pelo Internet Archive.

O Nemesis Lonestar tinha muita informação técnica principalmente sobre programação Z80, dentre as quais uma tabela muito bem feita contendo todo o Instruction Set dos processadores 8080-Z80, muito bem organizado em colunas e que podia ser encontrado aqui nesse link que também deve estar quebrado.

Toda vez que eu programava em ASM e procurava por uma referência rápida do Z80, eu consultava essa página que está nos meus favoritos até agora, apesar de não mais existir no endereço original.

Felizmente temos a WayBack Machine, que pode ser sempre consultada para se obter o último snapshot dessa página que contém essa tabela de mnemônicos do Z80, entretanto apesar da Internet Archive manter esse snapshot, tomei a liberdade de baixá-lo (apenas dessa tabela de mnemônicos do Z80) e criar uma seção em meu blog para futuras consultas a quem interessar e também para agregar, gradativamente, ao material de referência de ASM e Z80 no blog.

Apesar de todas as mensagens de Copyright (c) do autor original da página e principalmente do mesmo citar que é expressamente proibida a reprodução de qualquer material do Nemesis Lonestar, acredito que a essa altura do campeonato ele não irá reclamar essa página, ou se reclamar no futuro, aí conversamos e tentamos resolver, mas no momento eu quero é ajudar na manutenção desse conteúdo.

Por isso deixo abaixo o endereço dessa tabela do instruction set do 8080-Z80, que costumava estar no site do Nemesis Lonestar mas que agora pode ser consultado aqui no meu blog nos endereços abaixo:

HTML version
http://popolony2k.com.br/xtras/programming/asm/nemesis-lonestar/8080-z80-instruction-set.html

Text version
http://popolony2k.com.br/xtras/programming/asm/nemesis-lonestar/opcodes.txt

[]’s
PopolonY2k


Print Friendly, PDF & Email