NoWind – Interface USB MSX/PC

Estava eu passeando pela internet em busca de informações sobre como converter e/ou tocar musicas MIDI no MSX, quando me deparei com um novo dispositivo para MSX  bem interessante.

É a NoWind USB interface, que pelo que li no site, é um dispositivo capaz de ligar o MSX ao PC utilizando um slot no MSX que possibilita a conexão com o PC via porta USB.

Pelo que li no site do fabricante, com a interface o MSX passa a ser visto pelo PC como um dispositivo USB comum e a partir daí o PC pode se tornar um HD (caro por sinal) para o MSX, dentre outras coisas.

Algumas características interessantes do produto:

1) Taxa de leitura de dados em aproximadamente 320kB/s utilizando um MSX rodando a 7Mhz.

2) Suporte ao dispositivo pelo MSX-BASIC, através de um novo device denominado NOW:

Exemplos:

save “now:autoexec.bas”

load “now1:test.bas”

open “now3:hello.txt” for ouput as #1)

Infelizmente o device NOW:, até o momento, só suporta operações de I/O sequenciais, ou seja, operações de I/O aleatórias, ainda, não são suportadas.

3) Possui MSXDOS 1 & 2 embutidos na interface.

4) Suporte a FAT 16.

5) Suporte a atualização de firmware.

6) Suporte a Linux, MacOSX e Windows, sendo que no Linux e MacOSX não é necessário instalar nada para ter acesso ao dispositivo, basta plugar, porém no Windows necessita do driver (quem diria!?) que vem com o produto (ufa!).

7) ROM drive. A FlashROM (512Kb) do dispositivo pode ser utilizada para armazenar imagens de disco (.DSK) e no MSX é acessada como um drive comum. Infelizmente até o momento só é suportada imagem de 360Kb 🙁 até mesmo porque a FlashROM só tem 512Kb.

8 ) Suporte a MSX, MSX2, MSX2+ e MSX TurboR

9) Dispositivo AUX: redirecionado para a interface.

Interface USB MSX-PC
Interface USB MSX-PC

Esse último item (9) é tão fantástico, fenomenal, maravilhoso, que chego até a me emocionar. Pelo que li no site a comunicação via AUX: é bi-direcional e com isso podemos utilizar a NoWind como placa de comunicação com o PC e assim podemos utilizar o PC como um Gateway para o mundo externo.

O site do fabricante até dá umas dicas para mapeamento do dispositivo AUX: no Linux (UNIX em geral) e para quem tem traquejo em criar softwares de comunicação utilizando Unix Pipes, isso será uma mão na roda para comunicar o MSX com a internet, por exemplo.

Hummm…….estou pensando seriamente em adquirir uma dessas.

Referência:

http://www.nowind.nl/

PopolonY2k

Print Friendly, PDF & Email

18 thoughts on “NoWind – Interface USB MSX/PC”

  1. Nao compra essa interface!. Estou pensando em contruir uma interface semelhante com um processador ARM 7. A ideia e substiruir o Z80 interno e conectar uma plaquinha com o CHIP ARM 7. O mesmo vai emular as instrucoes do Z80(usando codigo pronto DRDZ80). Olha so o chip que vou usar: http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-164646760-lpc2148-microcontrolador-arm7-usb-20-42kb-ram-512kb-flash-_JM . Na placa que conecta no Z80 vai ter: o ARM 7, conversor tensao 5 para 3.3 volts, o cristal, e um conector para ligar a USB.

      1. Nao e via slot do MSX. Tem que abrir o gabinete. Remover o Z80. No lugar do Z80 encaixa uma placa de circuito impresso (Acho que vai ter uma area 2 vezes a de um Z80 visto que o ARM 7 ocupa uma area de 2 graos de feijao!) que tem 40 pinos metalicos com o mesmo layout do Z80. Nao e necessario reforcar a fonte de alimentacao porque o ARM 7 consome muito menos que o Z80 substituido

        Lembrando que o Chip possui 512 KB de flash que podem ser usados para armazenamento. Ai e so programar interagindo o codigo Z80 emulado com codigo nativo ARM7. Para programar basta comprar um JTAG: http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-166888678-j-link-j-tag-segger-arm7911-melhor-q-ulink-da-keil-_JM

        A ideia e colocar um conector para ligar o ARM7 no JTAG. Isto com o MSX ligado

        1. Vantangens dessa arquitetura:
          1 – opensource software/hardware
          2 – escalavel
          3 – O processador pode rodar turbinado com uma velocidade que acredito pode ser superior ao TurboR de 26Mhz
          4 – POde escrever codigo nativo ARM que interage com a BIOS do MSX via emulacao do Z80!!
          5 – Pode rodar games desde que o emulador rode na mesma velocidade original do Z80 de 3,58Mhz.
          6 – Acho que o codigo do emulador pode ser modificado facilmente para emular o R800 do turbo R (http://svn.akop.org/psp/tags/race/2.16/DrZ80.s). Vai ter que aprender assembly do ARM!!
          7 – Se usar um ARM 7 com rede ethernert(http://br.mouser.com/ProductDetail/NXP-Semiconductors/LPC2378FBD144551/?qs=sGAEpiMZZMvKM5ialpXrmjITElU6ajyY) e possivel conectar o MSX na rede via interface de software entre o ARM nativo e o Z80 emulado. Acho que existe driver pronto para a interface USB e ethernet para esse CHIP!!!

  2. Da a entender que essa interface da NoWind usa o mesmo processador que planejo usar. Dica: 512 KB de flash e USB. O ARM 7 LPC2148 tambem tem 512KB de flash e interface USB.
    Lembrando que o projeto que vou desenvolver vai ser opensource software e hardware. O mesmo vai ser expansivel. Veja as possibilidade com este processador ARM7: http://br.mouser.com/ProductDetail/NXP-Semiconductors/LPC2378FBD144551/?qs=sGAEpiMZZMvKM5ialpXrmjITElU6ajyY

    Tem rede, USB, 2 serias assincronas

    Tudo isso por 13 dolares

  3. Infelismente nao da pra comprar mais =(

    me interesei por uma dessas tambem, mas por fim…

    Acho que vou continuar com meus drives de disquete =(

    Mas é uma bioa pedida quando surgirem mais.

    1. Brother popolony2k.

      Vou ate aproveitar que to lendo esses esquemas de conecção USB, e perguntar algo…

      Existe algo para conecção de impressoras em MSX???
      Existe aquela entrada atras dele, mas fora isso???

      Atualmente so as antigas impressoras de fita de carbono acho que aceitam isso.

      O bom é que elas sao baratas, tanto para comprar quanto para a “tinta” Pelo menos foi o que li em uma reportagem esses dias.

      Havia um empresario comentando, que com esse tipo de impressora voce perde qualidade, mas em coisas escritas, se ganha $$$ com a economia de tinta.

      Abraço.

      1. Sobre a conexão pela porta paralela, aquela conexão atrás do MSX é para porta paralela padrão Centronics 14, o que não é padrão no PC mas se vc conseguir um cabo com conector centronics 14 e ligar o MSX em uma impressora Epson LX300 ou Citizen GX810 ou até mesmo numa Cannon BJC240C (Jato de tinta), vai conseguir usar no MSX.
        Existe um problema nos expert’s, que não utilizavam o pino de impressora no padrão centronics, sendo que o do Hotbit era padrão igual aos dos micros MSX internacionais.

        []’s
        PopolonY2k

    2. Então camarada Olicheski,

      Sobre a Nowind é muito legal, mas o meu real interesse nela é a capacidade da mesma se conectar ao PC através de um device que ela disponibiliza no MSX, qe é o AUX:, com isso eu poderia criar aquela conexãocom a internet que eu havia falado com você no orkut.
      Ainda temos a possibilidade de usar RS232 no MSX, que é a minha outra opção. Vamos ver.
      Se vc está pensando em aposentar os drives de MSX,pensem sério pois por uns R$150 vc pode adquirir a interface ATA/IDE da Tecnobytes que tem fabricação aqui no Brasil.

      Eu msmo tenho duas dessas. Só olhar meus micros no meu album.

      http://picasaweb.google.com/popolony2k/Museum#

      Fique antenado no meu site pois em 1 ou 2 semanas disponibilizarei o review dessa interface IDE, que falei, aqui no site.

      []’s
      PopolonY2k

Leave a Reply